Crisol das Estações

Aventura V, Seção 1

15-16/S1 863

Abbrabok, Yin, Fee e Kelrak chegaram em Helmar, a capital da Confederação de Helmar. Na Universidade Arcana, falaram com a Profa. Cassandra do departamento de meta-engenharia e com o Prof. Hadamard da escola de telepatia. A conclusão foi que o orbe não era um item encantado, e sim um objeto com uma propriedade intrínseca de transmitir pensamentos, provavelmente feito de uma liga exemplar desconhecida.

Cassandra sugeriu falar com os monges do Monastério das Sete Lâminas, numa ilha no lago da capital. Os monges tentam registrar todas as armas do mundo; se alguém fez um orbe com um metal exemplar, pode ser que tenha feito uma arma também.

De fato, os monges tinham um registro relevante a respeito, mas o pergaminho foi roubado. Durante a investigação, Fee entrou em contato com um contato anônimo de Cassandra para obter itens do mercado negro. Com sua ajuda, determinou que os ladrões do pergaminho viram que o grupo estava investigando-os e que iriam atacá-los. Com essa informação, o grupo se preparou: quando o ataque veio, facilmente derrotaram os ladrões e seu líder, Mond.

Comments

BerF

I'm sorry, but we no longer support this web browser. Please upgrade your browser or install Chrome or Firefox to enjoy the full functionality of this site.